Nota Pública sobre a eleição dos Conselheiros Tutelares em Manaus

NOTA PÚBLICA
O Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM) esclarece que acompanhou, através da atuação firme, competente e abnegada de 10 Promotores de Justiça, todo o processo de votação para a escolha dos Conselheiros Tutelares na capital, não tendo sido registrados fatos que pudessem pôr em dúvida a lisura do processo de voto, por intermédio das urnas eletrônicas. O MPAM ressalta que sua atuação fiscalizatória se deu durante todo o processo de organização, votação e apuração da eleição referida. Informamos, contudo, que eventuais notícias de supostas fraudes no processo deverão ser encaminhadas aos canais ordinários já amplamente divulgados, para que as providências tendentes a apuração dos fatos sejam adotadas.

Últimas Notícias
Homem leva 44 anos de prisão pelo crime de feminicídio, em Tefé

Notícias
O Conselho de Sentença da 1ª Vara da Comarca de Tefé condenou, na última terça-feira, 15/10, Wilkeson de Freitas...
Moradores da zona Norte conhecem projeto MP Comunidade

Notícias
Moradores da comunidade Jesus Me Deu, no bairro Colônia Terra Nova, Zona Norte de Manaus, demostraram grande interesse...
Relação entre governança e direitos fundamentais é debatida em seminário no CNMP

Notícias
A interação entre direitos fundamentais, direitos humanos, papel do Estado e aplicação dos instrumentos jurídicos...
Ministério Público realiza evento inédito em Tabatinga

Notícias
O Ministério Público do Amazonas (MPAM) promove, nos dias 17 e 18/10, quinta e sexta-feira, o seminário "Direito e...