Implantação do SAJ-MP entra na fase do treinamento de residentes e definição de perfil de usuários

A implantação do Sistema de Automação Judiciária do Ministério Público do Amazonas (SAJ-MP) dá início, este mês, ao treinamento de residentes e definição do perfil de usuários. Iniciada em março de 2019, a automação do órgão ministerial, que integra o plano de gestão da Procuradora-Geral de Justiça Leda Mara Albuquerque com vistas à eficiência dos serviços prestados à sociedade, avança mais uma etapa, agora, visando a instalação e configuração das aplicações do SAJ-MP, com a validação das configurações para as promotorias-piloto.
Segundo a coordenadora do SAJ-MP, Promotora de Justiça Cley Martins, esta é uma fase muito importante para o alcance dos objetivos do MP com a automação, e inclui duas tarefas realizadas de forma concomitante: a definição do perfil de usuários, que será feita mediante questionário digital disponibilizado a membros e servidores, e o treinamento dos residentes, equipe de especialistas da Softplan encarregados de dar suporte à Diretoria de Tecnologia de Informação e Comunicação ao longo de todo o processo de implantação do sistema no MPAM.
“Na contratação da Softplan, consideramos importante a presença dos residentes em razão do número limitado de servidores da DTIC, que também devem receber treinamento. Concomitantemente, vamos encaminhar aos membros e servidores da Capital e do município de Iranduba, agraciada em razão da conectividade, questionário muito simples e fácil de ser preenchido, que visa o estabelecimento do perfil do usuário do sistema. É de suma importância que todos respondam rapidamente o questionário, porque essas informações vão subsidiar nos demais procedimentos de implantação do sistema”, destaca a coordenadora.
A implantação do sistema nas promotorias piloto – duas criminais comum, uma cível e uma de educação – está programada para última semana de agosto. No final de setembro, haverá a expansão para as demais promotorias e áreas afins.

Automação no Interior

A automação do MPAM por meio do SAJ-MP está prevista, inicialmente, apenas para as unidades e promotorias de Justiça da Capital e de Iranduba, em razão da conectividade. Nas promotorias de Justiça do interior do Amazonas, onde o acesso à internet é ruim, a implantação do sistema MP Virtual será destinada, primeiramente, ao trâmite dos procedimentos extrajudiciais, com previsão de, mais diante, interoperabilidade com o Projudi, do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas. “Os promotores vão poder atuar no MP Virtual tanto no judicial e na área extrajudicial, o que atende à necessidade do MPAM. O ideal seria que o SAJ-MP atendesse a todos, mas, neste momento, há uma impossibilidade técnica, o que não nos impede de continuar sonhando com a consolidação de um único sistema para todas as promotorias do MP”, conclui Cley Martins, que também é coordenadora de implantação do MP Virtual.

Texto: Milene Miranda – ASCOM MPAM

Últimas Notícias
MPAM participa da primeira audiência à distância feita em Itacoatiara

Notícias
O Ministério Pùblico do Amazonas (MPAM), através da 3ª Promotoria de Justiça de Itacoatiara, participou, nesta...
MPAM adere à divulgação do Projeto Resgate à Infância, do MPT

Notícias
Procuradores do Ministério Público do Trabalho (MPT) visitaram, na manhã desta quarta-feira (19), a Procuradoria...
MPAM inaugura oitivas de pessoas surdas em Libras

Notícias
O Ministério Público do Amazonas, por meio da 42ª Promotoria de Justiça do Idoso e da Pessoa com Deficiência,...
Setor de serviços e órgãos públicos se unem para divulgar canais de denúncia de violência contra a mulher

Notícias
Entidades do Poder Público vão estreitar atuações para reforçar a divulgação dos canais disponíveis para o...